Ju Ali assina coleção Capodarte

Mary Silva/GES-Epecial Ju Ali assina coleção Capodarte Peças ganharam estampa exclusiva, criada pela influencer MAIS FOTOS
PUBLICADA EM 11/05/2017 - Mary Silva

Carisma e personalidade são a marca registrada da jornalista Juliana Ali, que figura entre as principais influencers do País. Na bagagem, mais de duas décadas de moda, com passagens pelas redações de algumas das mais importantes revistas do Brasil e um blog (julianaeamoda.com) que lhe colocou sob os holofotes e garantiu lugar cativo nas filas A das fashion weeks ao redor do globo. Há cerca de sete anos, passou a assinar mais do que textos, trazendo à tona o talento para as artes. Sua conquista mais recente é a parceria com a calçadista Capodarte, que acaba de lançar uma linha de sapatos e acessórios estampados com desenhos criados por ela. O mix é a aposta da brand para o Dia das Mães.

"É uma felicidade e uma honra apresentar esta coleção. Ao longo dos últimos anos, fiz trabalhos para marcas gigantes nacionais e internacionais e esta é a primeira vez que tenho meu nome valorizado neste nível. Achei o convite sensacional e aceitei na hora", revelou, enquanto customizava uma bolsa com ilustração criada e aplicada na hora. A pedido da cliente, que presentearia a mãe, nascia um coração alado, colorido a caneta. 

Sorridente, em meio às dezenas de acessórios e materiais que utilizaria para fazer sua arte, a jornalista foi a anfitriã do evento de lançamento da coleção Capodarte por Ju Ali na loja da marca no Iguatemi Porto Alegre (RS), nesta quarta-feira, dia 10 de maio. Durante a ação, ela personalizava bolsas de consumidoras que adquiriam peças.

A iniciativa da Capodarte, segundo Juliana, lança luz à necessidade de se valorizar os artistar brasileiros. "Este país é incrível, rico em diversidade, belezas naturais. É preciso olhar para dentro e enxergar os talentos que temos aqui. O brasileiro se deslumbra muito facilmente com o que vem de fora e, muitas vezes, não percebe a qualidade do que se produz aqui. Temos exemplos maravilhosos de profissionais trabalhando com produto brasileiro, como Ronaldo Fraga e tantos outros artistas brilhantes", pontua.

Exclusivo e sustentável

A primeira vez que Juliana Ali desenhou sobre uma bolsa foi na época em que ainda trabalhava como editora de moda em uma revista de circulação nacional. "Eu lembro que vi a Lady Gaga usando uma Birkin (modelo clássico de bolsa da Hermés) toda rabiscada e achei o máximo. Peguei minha Louis Vuitton favorita e risquei também. Quando entrei na redação usando ela, os colegas me chamaram de louca. Aí, fui para a São Paulo Fashion Week e todos amaram!", conta, aos risos.

Desde então, passou a receber pedidos de customização e aproveitou a oportunidade. "No início, eu fazia três, quatro bolsas por ano. Hoje, a média é de quatro, cinco por semana. São produtos de estimação, que as pessoas querem continuar usando por muito tempo. Então, renovam o visual, com desenhos exclusivos e conquistam uma peça que ninguém mais vai ter", explica.

Mais do que o status de exclusividade do produto, Juliana atenta para o caráter sustentável. "O mundo precisa se dar conta de que ostentar o luxo é cafona. Vivemos uma crise generalizada. A moda tem que acordar e aprender a trabalhar a sustentabilidade em todos os sentidos. A indústria e o consumidor ainda têm um longo caminho pela frente". 

A coleção

A linha Capodarte por Ju Ali conta com modelos de bolsas, shopper, mini e shoulder bag, além de três sapatos, um slip-on, uma rasteira com a flor estampada na palmilha e um loafer. A estampa aparece ainda nas embalagens da sapatilha de monograma – um saquinho especial para viagem – e na nécessaire, que traz um chinelo com aplicações do logo nas tiras.  

Compartilhe isso:
TOPO